Projeto inovador permite economia de até 11 mil toneladas métricas de CO² por ano.

Atendendo à demanda do mercado por mais datacenters que sejam eficientes na redução do consumo de energia, a Sun Microsystems, líder mundial em soluções de infra-estrutura de tecnologia da informação, anuncia a conclusão de seu novo datacenter, em Broomfield, Colorado, nos Estados Unidos. Trata-se do maior projeto de consolidação de datacenter na história da companhia. As instalações de Broomfield incorporam os mais recentes sistemas de eficiência energética,incluindo design e tecnologias inovadores de alimentação de energia e de resfriamento. Sun Datacenter verde

“O projeto de Broomfield é um exemplo revolucionário para datacenters com o que há de mais moderno em modularidade, escalabilidade e flexibilidade, que levam a uma incrível eficiência na economia de custos, eletricidade e carbono”, diz Dave Douglas, vice-presidente sênior de cloud computing e de sustentabilidade.

“Nossos primeiros 20% de redução no consumo de eletricidade foram alcançados em 2002. O datacenter de Broomfield é um grande passo para atingirmos nossa meta de outros 20% na redução do consumo energético”.

Com este projeto, a Sun Microsystems estima economizar mais de US$ 1 milhão em custos de eletricidade e até 11 mil toneladas métricas de CO² por ano em Broomfield e, ainda, reduzir as emissões de carbono da empresa em 6% nos Estados Unidos. O datecenter verde da empresa permitiu a diminuição de 1 milhão de kWh por mês do consumo de eletricidade, energia suficiente para alimentar mil casas em Colorado.

O novo datacenter de Broomfield segue os projetos similares da empresa
concluídos em Blackwater (Reino Unido), Santa Clara (Califórnia) e Bangalore
(Índia), em agosto de 2007. Assim como no datacenter da Sun Microsystems em Santa Clara, o projeto atual é focado na economia de água, na redução de uso de produtos químicos e no resfriamento de ar e alimentação de energia ininterruptos.

O projeto baseia-se na Arquitetura Pod da companhia, que reduziu drasticamente o espaço físico, reduzindo de 46 Km, do antigo campus da StorageTek, em Louisville, Colorado, para 11 Km.

O datacenter de Broomfield é composto por: servidores Sun SPARC Enterprise
T5440 e M5000, sistema de biblioteca modular SunStorageTek SL8500, servidor de storage Sun Fire X4500 e os sistemas de storage unificado Sun Storage 7000. Todos eles são parte de um importante programa da Sun Microsystems para substituição de hardware, o qual levou a uma redução de espaço físico de 66%. Em um exemplo, a companhia consolidou 63 servidores e 30 dispositivos de storage ligados diretamente, em dois de seus servidores.

Por meio de seus esforços para a consolidação de datacenters, a Sun Microsystems conseguiu uma redução de área de 60% nos centros de dados em termos globais e reduziu as despesas operacionais dos datacenters da companhia em 30% somente nos últimos dois anos. Em outubro de 2008, anunciou a redução de 23% na emissões de gases das operações dos Estados Unidos, ultrapassando antecipadamente sua meta de cinco anos.

Outros benefícios proporcionados pelo novo centro de dados da Sun Microsystems são: redução do espaço do piso elevado, de 15 Km? para menos de 65 m; arquitetura mais verde e limpa, que acaba com os resíduos de chumbo e de produtos químicos, pois elimina a necessidade de baterias; sistema de tratamento de água sem produtos químicos, que economiza água e reduz a poluição química; sistema inovador de resfriamento. Esta é a primeira e maior instalação do mundo do sistema de resfriamento Liebert advanced XD com controles de resfriamento dinâmicos, capazes de suportar cargas de rack de até 30kW e um sistema chiller 24% mais eficiente do que os padrões ASHRAE.

Responsabilidade ecológica – A Sun Microsystems proporciona um caminho sustentável para reduzir o consumo de energia e o impacto ambiental de TI por meio de três passos para avaliar, otimizar e virtualizar as infra-estruturas de tecnologia da informação. Isto resulta em ações efetivas que minimizam o impacto da computação no planeta e, em última instância, também o gerado pela Sun Microsystems e por seus clientes. A companhia auxilia seus clientes a reduzir as emissões de GHC e o consumo de energia de suas infra-estruturas de TI com um portfólio completo de servidores e storage, uma suíte completa de Ecosserviços e o Sun Modular Datacenter. Além disso,
continua a buscar maneiras de diminuir os impactos do carbono por meio de programas como o OpenEco.org, a prática Sun Open Work – o programa de trabalho amplo e flexível da Sun Microsystems, e sua iniciativa de consolidação global dos datacenters. Para mais informações sobre a Eco Responsibility Initiative, visite www.sun.com/eco.

fonte: Sun Microsystems anuncia “datacenter verde”